Atendimento Psicológico Online

[SERVIÇO AUTORIZADO PELO CONSELHO FEDERAL DE PSICOLOGIA

A atendimento psicológico online é uma modalidade de atendimento realizado através de meios tecnológico que permite que psicólogo e paciente não esttejam no mesmo local. É uma modalidade de atendimento recente mas que tem sido indicada na literatura científica como eficaz para muitos casos de depressão, transtornos de ansiedade, alimentar e sono. Entretanto nem todos os casos podem ser atendidos por essa modalidade, sendo assim necessária prévia avaliação do psicólogo. Neste caso a pessoa será orientada a buscar psicoterapia presencial (Acesse) ou outros serviços.

A intenção é promover a redução ou desaparecimento de sintomas daquela pessoa que procura pelo serviço.

Benefícios do atendimento psicológico online

  • Qualidade. Mesma garantia de qualidade que o atendimento presencial.

  • Liberdade de escolha. Maior possibilidade de escolher o profissional, não importando a sua localização geográfica.

  • Comodidade. Você pode realizar a sessão estando em casa ou no escritório.

  • Diminuição do estresse. Não precisa pegar trânsito, ônibus ou ter que achar um lugar para estacionar.

  • Abertura emocional. Algumas pessoas se sentem mais a vontade para falar de suas questões pessoais em um espaço online.

  • Forma de pagamento. Em vez de andar com dinheiro ou cheque para pagar pela sessão, você poderá fazer uma transferência bancária usando seu computador.

  • Contato visual. Através do Skype é possível compartilhar a tela do computador. Com isso é possível aplicar as mesmas técnicas e metodologia de um atendimento presencial.

  • Acessibilidade. Pessoas com deficiência física podem ter acesso a profissionais qualificados sem ter que percorrer grandes distâncias.

  • Segurança. As suas informações são mantidas em sigilo pois utilizo plataformas para atendimento e softwares com informação criptografada. Prezando por essa segurança e sigilo da informação a profissional possue aprovação do CRP (Conselho Regional de Psicologia) e CFP (Conselho Federal de Psicologia) para esse tipo de atuação (consulte aqui). Obedece aos padrões de ética recomendados pelo Código de Ética Profissional da(o) psicóloga(o).